GCM de Itaquá localiza corpo de mulher vítima do ‘tribunal do crime’ de Guarulhos

A Guarda Civil Municipal (GCM) de Itaquaquecetuba localizou, na manhã desta quarta-feira (5), o corpo de uma mulher de aproximadamente 25 anos que havia sido deixado em uma área de matagal na estrada do Merenda, no Recanto Mônica. Além dela, um homem de 32 anos foi resgatado do local com lesões na costela e encaminhado ao Hospital Santa Marcelina. A suspeita é de que eles foram vítimas do “tribunal do crime” de Guarulhos.

A ocorrência foi registrada após uma denúncia recebida pelo Centro de Comunicações (Cecom) da GCM. De acordo com o relato do sobrevivente, ele e a mulher são usuários de drogas e moram em Guarulhos. Estavam furtando fiação na noite de terça-feira (4) quando foram capturados e espancados por traficantes. Por volta das 2h, ambos foram deixados em Itaquá.

O corpo da mulher foi preservado até a chegada da perícia técnica e da Polícia Civil, que dará continuidade às investigações. O homem, que já possui antecedentes criminais, está sob cuidados médicos, apresentando ferimentos leves.

“Estamos em um esforço muito grande para rebaixar os índices criminais na cidade e é lamentável ver essa situação, sobretudo que criminosos de outras cidades usem Itaquá como local de desova. A muralha digital e o sistema Detecta vão auxiliar nas investigações e na elucidação desse caso”, explicou o secretário de Segurança Urbana de Itaquá, Anderson Caldeira.

“Nossas equipes da GCM estão sempre em estado de alerta e em patrulha pelos bairros. Essa denúncia anônima reforça a confiabilidade da população em acionar nossos agentes em situações de emergência. Qualquer informação relevante pode ser crucial para a resolução do caso e para a segurança pública da nossa cidade”, completou o prefeito Eduardo Boigues.

 

Fotos: Divulgação

Assuntos que você pode gostar