Eventos reúnem 8 mil pessoas no Parque Max Feffer

Eventos reúnem 8 mil pessoas no Parque Max Feffer

Festival do Meio Ambiente e Festival Nipo-Brasileiro proporcionaram diversas atrações ao público presente no sábado e no domingo (16 e 17/06)

O Parque Municipal Max Feffer registrou a presença 8 mil pessoas durante os dois eventos realizados neste fim de semana (16 e 17/06). O local recebeu a segunda edição do Festival do Meio Ambiente e o Festival Nipo-Brasileiro de Suzano. O público pôde conferir diversas atrações, em especial culturais e gastronômicas.

Apesar do frio e da estreia da seleção brasileira na Copa do Mundo, o movimento foi grande em ambos os dias. Os eventos ocorreram em referência ao Dia Mundial do Meio Ambiente, comemorado em 5 de junho, e aos 110 anos da Imigração Japonesa no Brasil, celebrado nesta segunda-feira (18/06). O primeiro foi uma realização da Prefeitura de Suzano, enquanto o segundo teve organização de todas as entidades nipônicas da cidade, com apoio da administração municipal.

O Festival do Meio Ambiente, a exemplo do que ocorreu no ano passado, contou com atividades educativas com foco no meio ambiente, desde a demonstração de tecnologias sustentáveis e compostagem caseira, até adoção de animais e ações de saúde, com a participação de várias instituições e empresas parceiras da iniciativa.

“Sem dúvida, conseguimos atingir novamente os nossos objetivos, que eram divulgar e democratizar as informações sobre o tema e confraternizar com as pessoas e entidades que desenvolvem ações de educação ambiental em Suzano”, destacou o secretário municipal de Meio Ambiente, Carlos Watanabe.

Já em relação ao Festival Nipo-Brasileiro, houve 20 estandes com comidas típicas, brinquedos infláveis e um palco para diversas apresentações musicais, taikô, demonstrações de artes marciais, Lian Gong e eliminatória do concurso Miss Cerejeira. Durante o evento, cosplayers – pessoas que se fantasiam como personagens de séries, filmes, games, desenhos animados, histórias em quadrinhos e mangás – circularam em meio ao público. Um dos momentos altos foi show de Joe Hirata, com várias canções em japonês.

Para o prefeito Rodrigo Ashiuchi, os eventos trataram de dois assuntos de igual importância. “O Festival do Meio Ambiente reuniu empresas, entidades e famílias suzanenses em torno de tecnologias ecologicamente corretas, agricultura, produtos de nossa cidade e a parte lúdica com as crianças. Já o Festival Nipo-Brasileiro foi fundamental para render homenagens à contribuição do povo japonês ao longo da história, que ajudou e continuará ajudando, por meio dos imigrantes e de seus descendentes, no crescimento e no progresso de Suzano”, afirmou.

ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT
ADVERTISEMENT
Sidebar