Filho de uma das famílias mais tradicionais da cidade, faleceu as 20h00 de ontem (06/04) no PAM Barreto, Paulo Roberto Damasceno, fiscal de posturas da Prefeitura de Arujá. Ele é mais uma vítima fatal da Covid-19.

Paulo Roberto tinha apenas 54 anos e era o caçula de oito irmãos, bastante conhecido por sua seriedade e retidão, marca que herdou dos pais Raimundo (ex-vereador) e dona Herbene Damasceno por quem foi muito amado e cuidado.

O sepultamento ocorreu na manhã de hoje e não teve velório, conforme o protocolo da Covid. Paulo Roberto deixa a esposa Mércia e os filhos Gabriel e Daniel, que recebem as orações e a solidariedade da comunidade arujaense.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui