Desde a quarta-feira (06) estão funcionando em Arujá três pontos de apoio aos romeiros de todo o país que se deslocam para a Basílica de Aparecida. Este ano, em que  o feriado da padroeira coincide com a flexibilização das normas de distanciamento pós pandemia, a CCR Nova Dutra estima que 60 mil pessoas desenvolvam o chamado caminho da fé, do qual Arujá é o ponto inicial. Por isso, a Secretaria Municipal de Turismo preparou três pontos de apoio aos romeiros, além dos já tradicionais.

Segundo o secretário Renan Lucena, estas tendas onde as pessoas cansadas da caminhada encontram água, frutas, bolos e estrutura para alguns minutos de descanso, estão em funcionamento atrás do Hotel Arujá no Jardim Rincão, em frente ao restaurante Chaleira Preta e junto à passarela do Jardim Real.

“São espaços onde as pessoas são acolhidas com todo carinho, para se hidratar, comer uma fruta ou um pedaço de bolo e descansar um pouco para refazer as forças a fim de prosseguir seu percurso. Também estamos destacando um profissional de Saúde para curativos rápidos e também temos GCMs que atuam nestes pontos para orientar e ajudar no que for possível. Eu diria que hoje Arujá, como trecho inicial desse percurso, reflete a movimentação que acontece na Dutra e temos que olhar por esse turismo religioso, por isso a criação destes três pontos, além dos que já funcionam tradicionalmente no Chalé da Pamonha, e Rancho da Pamonha”, afirmou Renan Lucena.

Ele destaca que a ação conta com o apoio das paróquias Senhor Bom Jesus de Arujá, Nossa Senhora Aparecida, do Barreto, São Lucas e Santo Expedito, além da Secretarias de Desenvolvimento Econômico, Segurança Pública e Departamento de Trânsito.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui