A 12ª Conferência de Assistência Social de Arujá acontecerá este mês, na Câmara de vereadores. A apresentação do tema “Assistência Social é um direito: Evolução e Desafios do SUAS no Estado de São Paulo” e dos eixos temáticos aos frequentadores do Centro de Convivência do Idoso ocorreu nesta sexta-feira (04/10), pela manhã. A Pré-Conferência, como é chamada, integra a programação da Semana do Idoso.

         A atividade desta sexta-feira teve o objetivo central de preparar os idosos do CCI para a Conferência. Com as abordagens sobre o tema principal, os eixos e a estrutura da Assistência Social no município, todos terão condições aproveitar melhor o evento.

        Uma das questões mais importantes, por exemplo, será aprovar as propostas que sairão de Arujá para a etapa estadual da Conferência. Deverão ser duas para cada eixo  temático, sendo os deste ano: Financiamento do Sistema Único de Assistência Social (SUAS); Gestão dos Serviços, Programas, Projetos e Benefícios; e Participação e Controle Social do SUAS.

       O funcionamento da Conferência foi detalhado pela secretária adjunta de Assistência Social, Marina Bernardo da Costa. Na abertura da atividade desta sexta, a secretária da Pasta, Maria Luzia Bortone Salles Couto, utilizou o tema da Conferência para destacar duas evoluções da área em Arujá: as ampliações da bolsa-auxílio da Frente e Trabalho, para R$ 700, e do repasse do Programa Renda Mínima Familiar, que passou para R$ 150 para cada filho ou dependente de até 16 anos dos beneficiários.

         “São evoluções importantes. Embora ainda longe de ser o ideal, estes acréscimos na renda farão diferença nas vidas de muitas famílias atendidas por nós”, explicou.

         Prestação de Contas

       Ainda durante o evento, a presidente dos Conselhos Municipais de Assistência Social e o do Idoso, Regina Grubba, apresentou uma devolutiva sobre os resultados da Conferência do Idoso, em março deste ano. “Mostramos as nossas propostas que foram levantadas, confirmadas e aprovadas, o que foi acrescentado na etapa estadual, que os resultados foram apresentados em reunião com o prefeito e todos os secretários da cidade”, explicou.

         Música

         Quem também marcou presença foi o coral do Centro de Convivência da Criança e do Adolescente, regido pelo maestro João Tadeu de Oliveira. Junto com o Coral da Terceira Idade, o grupo cantou as músicas Ouvi Dizer, da Banda Melim, Rindo a Toa, do grupo Falamansa, Xodó, de Gonzaguinha, além de Coração de Papelão, de Jairzinho e Simony.

         Semana

         Com atividades desde terça-feira (01), a Semana do Idoso termina neste sábado, com o Baile da Terceira Idade, a partir das 14 horas, no próprio CCI.

         “É uma forma de fechar a programação com alto astral. Eles divertem-se muito, adoram dançar e, por isso, preparamos uma seleção musical que rememore várias épocas em que viveram. A socialização que um evento como este proporciona é, também, muito importante para a qualidade de vida deles”, explica a secretária adjunta de Assistência Social e responsável pelo CCI, Lucia Ribeiro.

         A unidade fica na Rua Rio de Janeiro, 245, no Jardim São José.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor, comente
Coloque seu nome aqui